Enem

  • Estão abertas as inscrições do Preparatório Gratuito para o Enem 2019. O curso Pré-ENEM do Equalizar é voltado para alunos de escolas públicas que querem se preparar para o exame do ano que vem mas não tem condições financeiras de pagar um curso preparatório. Todo o conteúdo ministrado abrange as áreas do conhecimento definidas na Matriz de Referência do ENEM. O projeto de Extensão está vinculado à Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Os interessados devem se inscrever até o dia 25 de novembro, no site do projeto Equalizar, efetuar o pagamento da taxa de inscrição e atender os seguintes requisitos: Possuir renda familiar bruta mensal per capita que não exceda o valor de 1,5 salário mínimo; Ter cursado o 1º e 2º ano do ensino médio ou equivalente em escola pública municipal ou estadual Estar cursando em 2019 o 3º ano do ensino médio ou equivalente em escola pública municipal ou estadual. As aulas do preparatório acontecerão de segunda-feira à sexta-feira, no período noturno e no turno matutino aos sábados, na Escola de Engenharia da UFMG. O ínicio das aulas acontecerá em fevereiro de 2019. Caso hajam dúvidas ou o candidato tenha interesse em entrar em contato com o projeto, de ser enviado um e-mail para: [email protected] O post Curso preparatório gratuito para o Enem 2019 abre inscrições em MG apareceu primeiro em Escola Educação.
  • O Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) permite ao estudante ingressar em universidades estrangeiras. 35 instituições do Canadá, Reino Unido, Irlanda, Portugal e França aceitam notas do Enem em seus processos seletivos. Por meio do Enem, 1,2 mil brasileiros atualmente estudam no exterior. As universidades firmam acordos de cooperação com o Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), associado ao Ministério da Educação (MEC), em que elas mesmas definem suas notas de corte e em que o Inep atesta o desempenho do candidato no Enem. O Enem é o segundo maior exame do mundo em número de candidatos, depois do processo chinês, e está se tornando internacionalmente reconhecido. Portugal é o principal destino dos alunos brasileiros, por conta da língua, dos pontos de corte relativamente baixos, e dos custos para se manter no país. Como cada instituição define seus critérios, é necessário que o candidato se informe sobre prazos e documentação nos sites das próprias instituições. Na França, por exemplo, é comum que universidades exigem que o aluno já tenha ingressado em alguma universidade brasileira. Em outras, cartas de recomendação e proficiência em idiomas podem ser exigidos. O post Instituições estrangeiras admitem estudantes com boas notas no Enem apareceu primeiro em Escola Educação.
 

Midas Casino